sexta-feira, 8 de julho de 2011

SER ou ser?

Existem muitos textos confrontando o "ter" ou o "ser". Não discuto e concordo em muitos casos essa relação, mas resolvi colocar outro assunto que pode intrigar.

SER ou ser? Eis a questão.

Encontramo-nos em um mundo onde todos querem ser lindos, ricos e famosos... uma celebridade. Para quê? Para alimentar o ego? Para quê alimentar o ego? Enfim...

A maioria pensa que as mudanças ocorrem de fora para dentro, pois assim pode aumentar a auto-estima. - Vou gastar fortunas em plásticas, regimes que dilaceram meu estomago, ir a um spa de beleza e me deixar linda, pois eu quero "ser" linda e maravilhosa, assim todos irão me amar!

É isso mesmo, é bem isso o que vai acontecer. Mas uma hora todo esse glamour acaba e vai sobrar o que?

Ser belo por dentro é não se preocupar com a estética, é ter a mente serena em qualquer momento. Sun Tzu dizia: - No momento de maior estres, mantenha-se sereno. Difícil, mas não é impossível. Como conseguir isso? Meditação é um caminho, mas não pense que será fácil.

O simples não é fácil para aqueles que não tem a mente serena, pois tudo será difícil. Para conseguir chegar a esse nível de compreensão é preciso disciplina, paciência e principalmente... querer muito essa mudança. Pois para muitos, isso tudo que lhes digo é bobeira e que o melhor é gastar mesmo a fortuna que não tem para alimentar o ego e a auto-estima.

Toda jornada começa com um simples passo e essa caminhada vai depender de sua vontade. Pois muitos começam dando o primeiro passo, mas poucos persistem e continuam a trilha.

Feliz daquele que está sempre satisfeito, pois pode ter tudo ou nada e satisfeito está. O insatisfeito pode TER tudo mas nunca satisfeito estará.

Boas reflexões.

Namastê

3 comentários:

Sopa de Números na Educação Inclusiva disse...

Ótimo blog! Parabéns!!!!:-)

Somos autores do blog "Sopa de Números na Educação Inclusiva" (www.sopadenumerosecalculos.blogspot.com) e fizemos um post divulgando sua página. Veja:

http://sopadenumerosecalculos.blogspot.com/2011/07/levando-vida-com-mais-leveza.html

Esteja a vontade para deixar comentários em nossa página, hehehe! Um abraço!

Millena Lyra disse...

Por vezes esse equilíbrio só é procurado por alguns quando são acometidos pela chamada crise da meia idade, em que se perguntam: o que é que eu fiz da minha vida? É a hora em que começam a rever seus conceitos.
Que essa análise de consciência possa ser cada vez mais precoce.Quem sabe né?
Maravilhoso teu post.

Gabriel Correia disse...

A muito tempo mesmo antes de conhecer esta filosofia de vida eu já imaginava como seria viver com mais simplicidade é legal saber que neste mundo caótico outros pesam igual. Parabéns pelo blog continuem divulgando este estilo de vida.