terça-feira, 9 de dezembro de 2008

O caminho é só, mas você não esta só

Você já deve ter se deparado com obstáculos em sua vida certo?

Normal, faz parte de sua vida, afinal estamos vivos e nos desenvolvendo. Faz parte de seu caminho VIVER.

Entretanto, você já se sentiu só? Como se todos estivessem contra você, que ninguém o apóia em suas decisões e que você está completamente sozinho nesta trilha. Pois bem, digo que muitas vezes em que se sentiu só, foi algo de sua mente, pois nem sempre um "não" quer dizer que as pessoas o estão abandonando e muitos "sim" pode ser a sua ruína. É duro chegar a esse ponto de análise. Muitas vezes nem percebemos isso e ficamos acuados e tristes. É o que eu sempre digo, as coisas podem parecer terríveis durante o percurso, mas se ainda está ruim é porque não chegou no final. Na maioria das vezes não entendemos porque certas coisas e atitudes de outros acontecem, mas lá na frente faz todo o sentido.

O mais importante é não se sentir só, pois nós só estaremos sós por nossas escolhas, só se quiser MESMO, do tipo se isolar de tudo e de todos, daí não tem jeito mesmo. As pessoas se afastam, pois não querem incomodar, mas saiba que se você resolver conectar-se as pessoas estarão lá de braços abertos. Ninguém é feliz sozinho, por completo.

Muitas vezes encontramos nossos queridos amigos em situações que a única forma de ajudar é se afastar ou dizer "não", é duro, dói, mas é a única forma de fazer com que eles acordem sem machucar a amizade. Como o ser humano é complexo...

O caminho é só e o roteiro é individual, entretanto nunca estamos sós. Devemos caminhar sempre um ao lado do outro e nunca na frente ou atrás. Do lado e se possível de mãos dadas ;)

Boa caminhada!

3 comentários:

Anônimo disse...

Rita Verde Hiromi,tem uma estória do meu guru indiano q. diz q. no começo éramos todos Um.Aí fomos divididos p. aprender a merecer o q.perdemos, a unidade.E é nisso q. consiste a nossa vida: tentar conectar-se novamente.Este seu texto caiu como um chapéu maravilhoso na minha cabeça!!!
Um abraço com sabor de conquista individual, mas por causa do grupo!Sil

Débora Rubin disse...

Amores mios,

vcs conhecem um poema de Drummond chamado "Mãos dadas"?

Tem uma parte que diz assim:

"O presente é tão grande, não nos afastemos.

Não nos afastemos muito, vamos de mãos dadas."

Acho tão lindo isso.

E é isso mesmo, Rita, mesmo quando não estamos lá fisicamente, pode estar certa: estamos de coração.

Vamos de mãos dadas rumo à azul? HAHAHAHAHAHAHA

adoro ocêis duas!

bjsss

kiyomi disse...

Hiromi,
este texto me faz lembrar algo que passamos juntadas, sera' que tem mais gente nessa???
Ki